Inglês: Frequently Asked Questions

Português: Perguntas mais Frequentes

 


Tipos de estrias: Brancas e atróficas, vermelhas, hipertróficas e mais

Perguntas e respostas sobre tipos de estrias, como as avermelhadas ou roxas, embranquecidas e mais. Como evitar o surgimento delas e tem tratamento?

Página Inicial / Casa e Estilo de vida

O que são estrias?

Estrias são marcas em tons vermelhos ou brancos na pele, principalmente no abdômen, flancos, glúteos, seios e braços. Seu formato é de pequenos ou grandes riscos que cortam essas regiões do corpo.

As estrias são causadas por um rompimento das fibras colágenas, a partir do ganho de peso excessivo, alterações hormonais, gestação e uso de corticoide tópico ou oral.

Quais são os tipos?

Há três tipos de estrias: as avermelhadas ou roxas, brancas estreitas e brancas profundas. Logo no início se seu surgimento, elas são avermelhadas ou rosadas. Com o tempo e a continuidade dos problemas que a causaram, elas se tornam esbranquiçadas até ficarem profundas.

Como são as avermelhadas ou roxas?

Elas são as rupturas iniciais que o organismo tem em restabelecer o colágeno rompido. Como há ainda um fluxo de sangue nas marcas e o tecido não foi totalmente prejudicado, elas apresentam esse tom vermelho.

O que são embranquecidas?

As estrias ficam brancas quando já estão envelhecidas e criam uma depressão na pele. Elas possuem dois tipos, a atrófica e a hipertrófica. As estrias brancas atróficas são as que já não possuem circulação sanguínea efetiva e começam a apresentar depressões na pele leves. As estrias brancas hipertróficas são as marcas mais profundas, quando atingem o nível máximo de relevo.

Como evitar o surgimento delas?

A forma de evitar seu surgimento é através da hidratação intensiva da pele, ingerindo muito líquido, em torno de oito copos d´água por dia. O conhecido “efeito sanfona”, que é engordar e emagrecer com frequência e em períodos curtos também provocam estrias, assim como a falta de exercícios físicos. Por último, evitar os doces e comidas gordurosas.

Há tratamento para quem já tem estrias?

O tratamento é um desafio para todos os profissionais. Quando elas ainda estão vermelhas, é possível eliminar grande parte delas. Mas as brancas, principalmente quando já há um relevo acentuado, apenas podem ser amenizadas já que se tornam uma cicatriz na pele. Os métodos mais comuns são com aplicações de ácidos, peelings, subincisão, tratamentos a laser e infravermelho, que visam estimular a formação do tecido de colágeno para substituir a pele acidentada.


 
 

Veja também

 


© 2017   |   FAQ: Perguntas e Respostas Frequentes