Inglês: Frequently Asked Questions

Português: Perguntas mais Frequentes

 


O que é grau de instrução? Escolaridade de 1º 2º e 3º grau

Perguntas e respostas sobre o que é grau de instrução ou escolaridade. Conheça o 1º, 2º e 3º grau e entenda a classificação escolar e a sua função para concursos, estatísticas, entre outros.

Página Inicial / Educação Básica

O que é grau de instrução?

O grau de instrução é uma classificação usadas para identificar quanto uma pessoa estudou ou para determinar a escolaridade dela. Antigamente as etapas escolares eram identificadas como 1º e 2º grau e posteriormente o 3º grau. Hoje não se usa mais esses termos, mas ainda continua a existir a classificação, como poderemos observar abaixo.

O que é o 1º grau?

O primeiro grau é composto pelos 9 anos do atual ensino fundamental. Antigamente ele tinha mesmo o nome de 1º grau e era composto por 8 anos. No atual ensino fundamental há uma divisão entre primeiros anos ou anos iniciais (1º ao 5º) e anos finais (6º ao 9º).

O ensino fundamental é exigido em alguns concursos públicos ou mesmo em processo seletivo para emprego em algumas empresas.

No Brasil ele é obrigatório, isto é, os pais são obrigados a matricular seus filhos e mantê-los na escola. Por isso ele é gratuito na rede pública de educação, assim ninguém pode usar o argumento de que não tem condições de manter um filho na escola.

O que é o 2º grau?

O segundo grau é composto por três anos e atualmente é o ensino médio. Ele é feito após a conclusão do ensino fundamental, é composto por três anos (1º ao 3º) e ele é base para a faculdade ou terceiro grau. Além disso ele pode ser exigido em alguns concursos públicos, processo seletivo para emprego em algumas empresas, sem contar que ele é pré-requisito para o ingresso na universidade.

O ENEM foi criado para avaliar a qualidade do ensino médio. É uma prova anual que é aplicada em todo o país e que além de servir para avaliar a qualidade do ensino médio, é usada também como processo seletivo para diversas faculdades e universidades no Brasil e até no exterior, como é o caso de Portugal onde há instituições de ensino superior que reconhece o ENEM brasileiro.

O que é o 3º grau?

O terceiro grau é o curso superior que conhecemos hoje. Não existe uma definição quanto a quantidade de anos de estudos, já que existem cursos superiores que vão de 2 a 6 anos e portanto neste caso é variável.

Todos os cursos de graduação e pós-graduação são de 3º grau. A graduação é dividida em três tipos de formação, sendo:

  • Bacharelado. Formação de profissionais e pesquisadores nas suas respectivas áreas.
    Exemplos: Direito, Administração, Medicina, Engenharia, entre outros.
  • Licenciatura. Destinado a formação de professores para atuarem no ensino fundamental e ensino médio tanto em escolas públicas ou particulares.
    Exemplos: Matemática, Pedagogia, Física, Química, Letras, Biologia e outros.
  • Tecnologia. Cursos de curta duração, tecnólogos ou cursos de 2 anos, como também é conhecido.
    Exemplos: Gestão Pública, Marketing, Secretariado, Gestão Financeira, RH, Análise e Desenvolvimento de Sistemas, entre outros.

A pós-graduação por sua vez está divida em:

  • Lato sensu. Também conhecido como especialização e constitui a maioria dos cursos de pós. Geralmente é feito com o intuito de ganhar conhecimento e tornar-se especialista em determinada área para atuar no mercado de trabalho.
  • Stricto sensu. Pode ser mestrado ou doutorado. Este tipo de pós-graduação é feito por aqueles que desejam ser professores em universidades, especialmente.

Por que não se usa mais a classificação dos graus escolares?

Os graus de escolaridade ainda são usados, mas com nomes diferentes, como explicado acima. Os termos ensino fundamental, ensino médio e curso superior é mais atrativo e faz mais sentido em termos de identificação e creio que desta forma ele é usado atualmente.

Desta forma, considere o seguinte:

  • 1º grau equivale ao ensino fundamental
  • 2º grau equivale ao ensino médio
  • 3º grau equivale ao ensino superior

Qual a importância do grau de instrução?

A escolaridade é importante para fins de classificação, estatísticas e também como uma forma de processo seletivo natural. Quando surge um concurso público, por exemplo, se no edital estiver definido que é necessário o ensino médio, já é feito um processo seletivo ali, se for informado que é necessário um curso superior, ocorre a mesma coisa.

Desta forma ele atua de forma prática em várias situações. Outro exemplo que pode ser usado também é para fins de estatísticas e neste caso é comum você ser questionado sobre o grau de instrução em vários momentos. Veja alguns exemplos:

  • Prisão. Quando uma pessoa é presa, no boletim de ocorrência poderá constar o grau de instrução do preso e isto poderá ser usado posteriormente pela Secretaria de Segurança Pública e outros órgãos para entender o perfil carcerário e tentar estabelecer uma relação entre pouco estudo e associação com a criminalidade.
  • Benefícios sociais. Este é outro ponto importante também, pois ao fazer o cadastro para a requisição de um benefício social qualquer, a informação da escolaridade da pessoa também pode ir para os bancos de dados estatísticos do governo para fazer a mesma associação.
  • Compras. O setor privado também poderá fazer o uso desta informação. Imagine que ao comprar um carro novo você tenha que informar na ficha de compra a sua escolaridade. Isto poderia ser usado pelos representantes dos fabricantes de automóveis se o perfil do consumidor de casos novos está mudando ou se mantém o mesmo ao longo do tempo.
  • Entre outros exemplos.

O que é grau de instrução incompleto?

O termo é frequentemente usado e pode ocorrer em duas situação: A primeira é quando a pessoa ainda está cursando um determinado grau e ainda não concluiu. A segunda é quando a pessoa parou de estudar sem concluir aquele grau específico.

Desta forma é possível encontrar os termos ensino fundamental incompleto, ensino médio incompleto ou ensino superior incompleto. Em todos os casos indica que a pessoa iniciou mas ainda não terminou, seja porque ainda está cursando ou porque parou.

Há diferenças entre grau de instrução e escolaridade?

Não. Ambos se referem a mesma coisa. Contudo o grau de instrução é a divisão técnica que se faz da educação no Brasil e portanto é ampla. Já a escolaridade refere-se a indivíduos específicos e até que ponto eles participaram do processo educacional e formal no país.


 
 

Veja também

 


© 2017   |   FAQ: Perguntas e Respostas Frequentes